quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Estudante da Arábia Saudita é condenada a 90 chicotadas após bater na diretora da escola com um copo

Um tribunal saudita condenou um adolescente a receber 90 chicotadas e a dois meses de prisão. De acordo com o jornal saudita "Al-Watan", ela agrediu a diretora de sua escola na cabeça com um copo. O incidente aconteceu no ano passado na cidade oriental de Jubail após a diretora confiscar o celular da menina porque ela tinha uma câmera que é proibido nas escolas da Arábia Saudita.

A pedido da diretora a flagelação será feira dentro da escola "para educar" os outros estudantes. O sistema de justiça saudita tem sido criticada por grupos internacionais de direitos humanos para a aplicação de castigos corporais para pequenos delitos, bem como as amputações de ladrões e decapitações de assassinos.

Autoridades sauditas rejeitam as críticas e dizem que a prática é amplamente aprovada pela sociedade e impede o aumento da criminalidade.

Reuters

Um comentário:

Dayane Amparo disse...

Será que ela aguenta 90 chibatadas???